18 Abril 2017

Cristãos da Terra Santa revivem caminho de Jesus e discípulos de Emaús

E, sabemos, pouco depois que Jesus ressuscitou apareceu a dois discípulos no caminho para Emaús, não muito distante de Jerusalém... é para este lugar que vamos agora!

Loading the player...
Embed Code  

Solicite Vídeo de Alta Qualidade
Copy the code below and paste it into your blog or website.
<iframe width="640" height="360" src="https://www.cmc-terrasanta.org/embed/cristaos-da-terra-santa-revivem-caminho-de-jesus-e-discipulos-de-emaus-12830"></iframe>
Solicite Vídeo de Alta Qualidade
Por favor, envie um email para :
info@cmc-terrasanta.org

Assunto: Pedido de Vídeo de Alta Qualidade

Mensagem:
Arquivo Pessoal / promoção CMC / TV Broadcasting

http://www.cmc-terrasanta.com/pt/video/cristaos-da-terra-santa-revivem-caminho-de-jesus-e-discipulos-de-emaus-12830.html

Nenhuma parte deste vídeo podem ser editadas ou disseminada sem um acordo com antecedência com o Christian Media Center acordarem os termos e condições de publicação e distribuição.
As Sagradas Escrituras nos contam que Jesus Ressuscitado apareceu aos discípulos que caminhavam de Jerusalém pra Emaús, pequena cidade, a cerca de onze quilômetros de Jerusalém…

P. FRANCESCO PATTON, ofm
Custódio da Terra Santa
“Lucas ambienta o caminho no dia de Páscoa e conta que os discípulos chegam aqui com Jesus que lhes explica a Escritura e lhes ajuda a entender que sua Paixão, Morte e Ressurreição fazem parte do Mistério da Salvação... os dois discípulos o convidam a ficar, mas ainda não o haviam recinhecido... Quando Jesus parte o pão, então, finalmente, seus olhos se abrem... Eles o reconhecem e voltam correndo a Jerusalém pra contar este encontro com o Ressuscitado”.

Na segunda-feira, um dia depois da Páscoa, este episodio Bíblico foi revivido por franciscanos e peregrinos que lotaram o Santuário de Emaús em uma Missa presidida pelo custódio da Terra Santa, Padre Francesco Patton.

P. FRANCESCO PATTON, ofm
Custódio da Terra Santa
“O Evangelho lido hoje nos ensina que este é o percurso dos discípulos também nos dias de hoje: escutar Jesus que explica as Escrituras pra poder, depois, reconhecê-lo no momento em que parte o Pão por nós, na Eucaristia”.

O pároco latino de Jerusalém explica que, pra narrar este fato, Lucas omite o nome de um dos discípulos… não por acaso!

P. NERWAN AL-BANNA, ofm
Pároco Latino de Jerusalém
“Quando o Evangelista Lucas narra a história de hoje sempre diz o nome de um discípulo, Cléofas, mas o do outro não... quer dzer que cada um de nós é o outro discípulo... somos nós que a cada dia encontramos com Jesus na Eucaristia”.

No fim da celebração, centenas de pães são abençoados e distribuídos aos presentes e, enfim, todos são convidados a almoçarem juntos.

P. FRANCESCO PATTON, ofm
Custódio da Terra Santa
“Pra dizer que partir o Pão na Eucaristia è importante, mas também no cotidiano da vida porque corremos o risco de reduzir tudo isso num ritual litúrgico enquanto a Páscoa pe transformação da nossa vida. No dia em que celebramos Cristo que compartilha tudo conosco, sua vitória sobre a morte, sua divindade, isso deve nos motivar a viver como ressuscitados, a nos tornarmos também nós pessoas capazes de compartilhar com alegria, de testemunhar a beleza de poder caminhar ao longo da história com Jesus e saber que Ele nos acompanha até mesmo quando não o reconhecemos imediatamente”...